Página Inicial
Favoritos
Músicas
Enviar por email
Chat


 

Notícias  
Publicidade





   Academias
   Baladas
   Direito Homoafetivo
   DJs
   Gastronomia
   Hotis
   Notcias
   Personal Trainer
   Ponto de Encontro
   Preveno
   Rdios
   Sade
   Turismo
   Coluna Social
   Parceiros
   Anuncie
   Adm Anunciante
   Acesso Entretenimento
   Cadastro Entretenimento
   Fale Conosco
Anuncie - Política de Privacidade - Acordo de Utilização - Serviço CaraMetade - Fale Conosco
Todos os direitos reservados. © Copyright 2004 CaraMetade.
Notcias
26/08/2012 - 11:47:24
Ttulo: Parada gay recebe apoio em Taguatinga
Fonte: CORREIO BRAZILIENSE - DF

A 7 edio da Parada do Orgulho LGBT (Lsbicas, Gays, Bissexuais e Transgneros) de Taguatinga ser realizada onde sempre foi: na Avenida Comercial Norte. A garantia do secretrio da Casa Civil, Swedenberger Barbosa. A imposio do alto escalo do governo ter de ser acatada pela Administrao Regional da cidade, que havia negado o pedido para realizar o evento na avenida sob a alegao de causar transtornos comunidade. A festa est marcada para o prximo dia 16.

De acordo com a assessoria da Casa Civil, o secretrio determinou pessoalmente a realizao da parada na Comercial Norte, assim como ocorreu nas seis edies anteriores. Todo o aparato de segurana, como o apoio da Polcia Militar e do Departamento de Trnsito, est assegurado. A notcia foi comemorada pelo presidente do grupo que organiza a marcha LGBT, Fbio Dias Duarte. "Acho que esse ano vamos ter a melhor parada de todas. A Comercial nossa", comemorou.

A polmica em torno do evento aconteceu porque o administrador da cidade, Carlos Jales, no autorizou a realizao da festa ali. Segundo ele, no ano passado, muitos moradores fizeram reclamaes de transtorno por causa da parada. Jales ofereceu outros lugares, como o estacionamento de um estdio, para a sede do evento, o que no foi aceito pelos organizadores. "Ele disse que, se fosse em um local fechado, autorizaria. Ou seja, queriam isolar a gente, no deixar a gente aparecer", reclamou Fbio.

Para os integrantes da parada, houve uma interferncia religiosa na deciso, que soou como homofobia, o que tambm foi descartado pelo administrador. Jales uma indicao do deputado Washington Mesquita (PSD), cuja eleio teve como um dos principais articuladores o padre Moacir Anastcio Domingos, conhecido por liderar multides durante as festas de Pentecostes. O parlamentar disse ao Correio, na sexta-feira, no ter tido qualquer influncia no caso. O religioso no se pronunciou.

Diverso

Se a administrao local usou como argumento a perturbao vizinhana, moradores e comerciantes da Comercial Norte ouvidos pelo Correio no demonstraram incmodo com a realizao da parada gay no espao. "Eles no incomodam, no. Pelo contrrio, a gente se diverte. Chamo as minhas amigas para vir porque muito animado", diz a comerciante e moradora do local Clia da Cunha Corrente, 57 anos.

O vendedor Wanbert de Azevedo, 25 anos, afirma que o nico inconveniente a sujeira que sobra no dia seguinte. "Fica cheio de lixo, como aconteceria em qualquer outra manifestao. Mas o comrcio no prejudicado porque a parada domingo. Se proibirem as manifestaes gays, tambm vo ter que proibir as festas de catlicos, de evanglicos", acredita o morador de Brazlndia.







       
  fechar[x]

Obrigado pela preferência. Estamos direcionando esta solicitação á empresa responsável pela proposta de serviço aqui expressa, após recebimento a mesma entrará em contato.

Nome:  
DDD:  
      Telefone:         Celular:  
E-mail:  
Endereço:  
Bairro:  
Cidade:  
Estado:  
CEP:  
Busque seu CEP
  Descreva detalhadamente sua solicitação para melhor atende-lo.
                                   
  fechar[x]


Obrigado pela preferência. Estamos direcionando esta mensagem ao seu amigo(a).

Seu nome:  
E-mail:  
Destinatário:  
E-mail:  
  Comentários: